domingo, fevereiro 26

**ZECA BALEIRO - NALGUM LUGAR**



"Quando um amor vai embora, normalmente, pensamos que jamais voltaremos a ser felizes, o que não é verdade. Não devemos colocar a nossa felicidade nas mãos de ninguém. Isso é dar muito poder ao outro, e somos nós que devemos ter o poder sobre os nossos pensamentos e sentimentos. É claro que não mandamos nos sentimentos, mas podemos escolher mantê-los em equilíbrio ou não. Sofrer faz parte da perda, mas desespero não é a solução. O tempo irá curar essa ferida, como faz com muitas outras. Seja paciente, espere e confie. Aquela pessoa que foi embora talvez não volte, mas o amor que você pensa que perdeu pode muito bem retornar para a sua vida nos braços de outra pessoa".
*.*

sábado, fevereiro 25

**DESEJOS**



"Tu moras em mim
Desejo e saudade
Lembrança e amor
Luxúria e calor

Tu crias o meu dia
O despertar da vida
A alegria perdida
Uma doce agonia

Sou senhora e escrava
Dona do teu eu
Presa da palavra

Tempestade na alma
Que te faz meu...
Te alivia e acalma!"
.*.

terça-feira, fevereiro 21

**MOMENTOS TERNURA**

É possível acariciar pessoas com palavras...



“Não vou me preocupar com o passado, vou apenas pensar no futuro, pois é nele que eu pretendo passar o resto de minha vida”.


"Pessoas certas não existem. Somos todos errados procurando alguém que aceite nossas imperfeições..."


Aprendi que todo mundo quer viver no topo da montanha, sem saber que a verdadeira felicidade está na forma de subir a escarpa. (Gabriel G. Márquez)


"O conhecimento do que somos é a nossa mais importante missão na Terra. O autoconhecimento nos deixa mais sintonizados com os sinais
sutis dos mundos interno e externo, além de nos indicar os melhores caminhos para interagir harmonicamente com os outros, sem nos deixar à mercê das influências deles."

     Você é livre para fazer suas escolhas, mas é prisioneiro das consequências. (Pablo Neruda)

sábado, fevereiro 18

**MARTHA MEDEIROS**




Não voltaria um único dia na minha vida, e lembranças boas é o que não me faltam. Não voltaria à infância - mesmo nunca mais tendo sentido tanto orgulho de mim quanto senti no dia em que ganhei minha primeira bicicleta sem rodinhas auxiliares, aos 6 anos, e saí pedalando sem ajuda, já no primeiro minuto, sem quedas no currículo. Não voltaria à adolescência, quando fiz minhas primeiras viagens sozinha com as amigas e aprendi um pouquinho mais sobre quem eu era - e sobre quem eu não era. Não voltaria ao dia em que minhas filhas nasceram, que foram os dias mais felizes da minha vida, de uma felicidade inédita porque dali por diante haveria alguma mutilação na liberdade que eu tanto prezava - mas, por outro lado, experimentaria um amor que eu nem sonhava que podia ser tão intenso. Não voltaria ao dia de ontem - e ontem eu era mais jovem do que hoje, ontem eu era mais romântica do que hoje, ontem eu nem tinha pensado em escrever esta crônica, ontem faz mil anos. Não tenho saudades de mim com menos celulite, não tenho saudades de mim mais sonhadora. Não voltaria no tempo para consertar meus erros, não voltaria para a inocência que eu tinha - e tenho ainda. Terei saudades da ingenuidade que nunca perdi? Não tenho saudades nem de um minuto atrás. Tudo o que eu fui prossegue em mim.


Não desperdices qualquer chance de ser feliz, mesmo que por breves instantes...


Em vez de tentar escapar de certas lembranças, o melhor é mergulhar nelas e voltar à tona com menos desespero e mais sabedoria. 



Saudade é não saber. Não saber o que fazer com os dias que ficaram mais compridos, não saber como encontrar tarefas que lhe cessem o pensamento, não saber como frear as lágrimas diante de uma música, não saber como vencer a dor de um silêncio que nada preenche.


O tempo não cura tudo. Aliás, o tempo não cura nada, o tempo apenas tira o incurável do centro das atenções.

*.*

quinta-feira, fevereiro 16

**SOPRO DE FELICIDADE**




Um sopro de alegria me arrepia inteiro, acende o meu interior por completo, minha  alma vibra. E então os olhos brilham, até a lagrima escorrer e seguir o seu caminho, acompanhada de tantas outras, como se um rio brotasse em mim, com uma nascente renovada e os seus córregos limpassem o que resistiu por tempos em seu trajeto sempre repetitivo.

     O corpo se sente livre, mesmo sem antes haver qualquer prisão. tudo desperta, como se antes estivesse limitado a adormecer ou até se limitar. Esse sopro se estende para fora, ao redor e acompanha o que a visão crê. Os pés flutuam, e tudo parece conspirar ao seu favor, naquela hora, naquele momento, como se o tempo gostasse de enfim poder tornar alguém feliz, parecendo ter tornado essa breve sensação rara, e por isso tão fantástica.


    Nada confronta, os que tentam batem e não atingem, um escudo se forma e se torna impenetrável por minutos. O que é belo ou feio não existe mais, o que existe é o que é feliz, e em tudo há felicidade, por mais escondida que esteja, sempre há! E ela renasce a cada vez que o sopro as atinge, de imediato, só esperando ali quieta a primeira oportunidade.


   Complicada? Impaciente? Sim, a alegria vem não fica muito, vem muitas vezes sem avisar o por que, e precisa? Ser tão breve a faz ser tão especial, pois para que volte precisa ser sempre reconquistada, e não se engane, ela começa sempre por você, e assim o mundo ao seu redor acompanhará, e deixará brotar o que há de mais belo, escondido, só esperando esse momento. Poderá brotar todos os dias se possível, quem decide? Você, ninguém fará por ti, se possível lhe tirarão a oportunidade. Então não espere, não dependa, não deixe que decidam por você, simplesmente faça. (Leonardo Brito)

terça-feira, fevereiro 14

**Valentine's Day**

Para celebrar a data e aproveitar o clima romântico:
"Amar alguém só pode fazer bem..."





Eu Simplesmente Amo-te!
(Pablo Neruda)


Eu amo-te sem saber como, ou quando, ou a partir de onde. 
Eu simplesmente amo-te, sem problemas ou orgulho: eu amo-te desta maneira porque não conheço qualquer outra forma de amar sem ser esta, onde não existe eu ou tu, tão intimamente que a tua mão sobre o meu peito é a minha mão, tão intimamente que quando adormeço os teus olhos fecham-se. 

domingo, fevereiro 12

**Whitney Houston morre aos 48 anos**


Cantora foi recordista de prêmios Grammy.
No auge da carreira, a cantora foi considerada um dos maiores ícones da música pop. Do meio dos anos 1980 ao fim dos anos 1990, Whitney foi uma das artistas com mais discos vendidos. Seu sucesso a levou atuar no cinema em filmes como "O Guarda-Costas", com Kevin Costner, e "Falando de Amor".
Fonte: Ultimo Segundo/Cultura

sábado, fevereiro 11

**Torradas Queimadas**


Quando eu ainda era um menino, ocasionalmente, minha mãe gostava de fazer um lanche, tipo café da manhã, na hora do jantar. E eu me lembro especialmente de uma noite, quando ela fez um lanche desses, depois de um dia de trabalho, muito duro.


Naquela noite longínqua, minha mãe pôs um prato de ovos, linguiça e torradas bastante queimadas, defronte ao meu pai. Eu me lembro de ter esperado um pouco, para ver se alguém notava o fato. Tudo o que meu pai fez, foi pegar a sua torrada, sorrir para minha mãe e me perguntar como tinha sido o meu dia, na escola.
Eu não me lembro do que respondi, mas me lembro de ter olhado para ele lambuzando a torrada com manteiga e geléia e engolindo cada bocado.
Quando eu deixei a mesa naquela noite, ouvi minha mãe se desculpando por haver queimado a torrada. E eu nunca esquecerei o que ele disse:
" - Amor, eu adoro torrada queimada..."
Mais tarde, naquela noite, quando fui dar um beijo de boa noite em meu pai, eu lhe perguntei se ele tinha realmente gostado da torrada queimada. Ele me envolveu em seus braços e me disse:
" - Companheiro, sua mãe teve um dia de trabalho muito pesado e estava realmente cansada... Além disso, uma torrada queimada não faz mal a ninguém. A vida é cheia de imperfeições e as pessoas não são perfeitas. E eu também não sou o melhor marido, empregado, ou cozinheiro!"
*.*
O que tenho aprendido por meio dos anos é que saber aceitar as falhas alheias, escolhendo relevar as diferenças entre uns e outros, é uma das chaves mais importantes para criar relacionamentos saudáveis e duradouros.
Esta é a minha oração para você, hoje!
Que possa aprender a levar o bem ou o mal colocando-as aos pés do Espírito Santo, porque, afinal, ele é o único que poderá lhe dar uma relação na qual uma torrada queimada não seja um evento destruidor.
De fato, poderíamos estender esta lição para qualquer tipo de relacionamento, ou seja, entre marido e mulher, pais e filhos, familiares e amigos.
Não ponha a chave da sua felicidade no bolso de outra pessoa, mas no seu próprio. Procure ver pelos olhos de Deus e sinta pelo seu coração; você apreciará o calor de cada alma, incluindo a sua.
As pessoas sempre se esquecerão do que você lhes fez ou do que lhes disse. Mas nunca esquecerão o modo pelo qual você as fez se sentir. (autor desconhecido)
*.*

sábado, fevereiro 4

**MOMENTOS ** TERNURA**

Todo o bem que eu puder fazer, toda a ternura que eu puder demonstrar a qualquer ser humano, que eu os faça agora, que não os adie ou esqueça, pois não passarei duas vezes pelo mesmo caminho. (James Greene)
  • Se todo animal inspira ternura, o que houve, então, com os homens? (Guimarães Rosa)
É preciso ser duro, mas sem perder a ternura, jamais...
(Ernesto Che Guevara)
  • Nada é pequeno no amor. Quem espera as grandes ocasiões para provar a sua ternura não sabe amar. (Laure Conan)
O homem que não conhece a dor, não conhece a ternura da humanidade.
(Jean Jacques Rousseau)
  • É a beleza que começa a agradar e a ternura completa o encanto.(Bernard Fontenelle)
Os braços de uma mãe são feitos de ternura e os filhos dormem profundamente neles.
(Victor Hugo)
  • Quando olho uma criança ela me inspira dois sentimentos, ternura pelo que é, e respeito pelo que posso ser. (Jean Piaget)
Quando chega a morte, não é da nossa ternura que nos arrependemos: é da nossa severidade. (George Eliot)
  • Podia ser só amizade, paixão, carinho, admiração, respeito, ternura, tesão. Com tantos sentimentos arrumados cuidadosamente na prateleira de cima, tinha de ser justo amor, meu Deus?  (Caio Fernando de Abreu)
    Me apaixonei por um olhar. . .
    Por um gesto de ternura
    Mesmo sem palavra
    Alguma pra falar
    Meu amor,
    a vida passa num instante
    E um instante é muito pouco pra sonhar...
    (Oswaldo Montenegro)